Vereador cria abaixo assinado contra obra no Batalhão da Polícia no Leblon - Sou Leblon

Vereador cria abaixo assinado contra obra no Batalhão da Polícia no Leblon

Compartilhe

O Governo do Estado pretende vender o terreno onde, atualmente, está situado o 23º Batalhão da Polícia Militar no Leblon.

Trata-se de uma área de 40 mil metros quadrados, as margens da Lagoa Barra. Porém, de acordo com a Lei Complementar nº162/2016, de autoria do Vereador Carlo Caiado, o local só poderia ser ocupado por equipamentos de uso público como por exemplo, hospitais, escolas, praças, entre outros.

Sendo assim, a Prefeitura compôs um projeto de lei, que será direcionado a Câmara, a fim de mudar a legislação para que o terreno seja vendido para fazer caixa. O projeto desenvolvido pela Secretaria Municipal de Urbanismo prevê a construção de 15 prédios, com um total de 800 apartamentos.

Para Caiado, o autor da Lei que preserva a área, a proposta de venda e novas construções poderão adensar a região. “O projeto ainda não chegou à Câmara e quando chegar iremos discutir com a população se esse é o melhor caminho. A minha defesa é que esta área seja ocupada por equipamento público, como por exemplo, um parque, um hospital, ou qualquer construção nesse sentido. É preciso pensar o quanto a área ficará adensada, existem inúmeras questões de impactos que precisam ser observadas”, ressalta Caiado.

Foto: Hermes de Paula / Agência O Globo
Tag's